Fígado

Coleção: 2

Função:

Secretar a bile, armazenar glicose, produzir proteínas nobres, desintoxicar o organismo, sintetizar o colesterol, filtrar micro-organismos, transformar amônia em ureia.

Descrição

       O fígado é um órgão grande, posicionado do lado direito, abaixo do diafragma. É dividido em lobos: direito, esquerdo, caudado e quadrado. Os lobos direito e esquerdo estão separados por uma prega de peritônio parietal chamada ligamento fallciforme, que prende o fígado à parede abdominal anterior. Na margem livre do ligamento falciforme encontra-se um cordão fibroso chamado ligamento redondo, o qual representa o resto da veia umbilical do feto que transportava sangue da placenta para o fígaado. Oligamento falciforme continua na face superior do fígado com o ligamento coronário, uma dobra no peritônio parietal que prende o fígado a face inferior do diafragma. Esse ligamennto  é formado de camadas anterior e posterior que se juntam em suas margens  laterais pelos ligamentos triangulares direito e esquerdo.

        Este órgão  recebe sangue de duas fontes: a artéria hepática, que transporta sangue oxigenado proveniente da aorta, e a veia porta hepática, que transporta sangue com elevada concentração de nutrientes, proveniente do trato digestivo , do pâncreas e do baço. Aproximadamente 1500 ml de sangue atravessam o fígado a cada minuto, dos quais 1100 ml chegam pela veia porta hepática e 400 ml pela artéria hepática.

         O fígado é composto por inúmeros compartimentos hexagonais chamados lóbulos hepáticos. Nos cantos desses compartimentos encontra-se um ramo da veia porta hepática, um ramo da artéria hepática, e um dúctulo biliar, constituindo a tríade hepática. Esses lóbulos são formados de fileiras de células cuboidais irradiando para fora a partir de uma veia central (centrolobular) que drena na veia hepática.